Se Fôssemos Como Os Ventos...


Se fôssemos como os ventos
Jamais pararíamos nas agrestes
Paragens de desastres alvos
De nossos passos
Pelas estradas nossas

Se fôssemos como os ventos
Teríamos corações alados
Teríamos almas aladas
Teríamos pensamentos alados
Seríamos realizadores dos nossos sonhos altos

Se fôssemos como os ventos
Veríamos As Verdades Da Existência Eterna
Veríamos As Verdades Do Infinito
Veríamos As Verdades Da Essência Da Criação
Seríamos Grandes Deuses então

Se fôssemos como os ventos
Não abandonaríamos os nossos céus
Retiraríamos da face todos os véus
Veríamos Luzes anunciantes de nosso reino
O Reino Dos Ventos Realizadores

Se fôssemos como os ventos
Nunca mataríamos uns aos outros
Nunca invejaríamos uns aos outros
Nunca enganaríamos uns aos outros
Nunca quereríamos ser outros

Se fôssemos como os ventos
Irromperíamos como
Campeões De Verdades Novas
Pelos horizontes antigos e novos
De nossa civilização que seria reerguida

Se fôssemos como os ventos
Romperíamos com os
Grilhões Das Prisões No Véu De Maya
Valentemente seríamos como Boreas
Amantes Dos Ventos Libertadores

Se fôssemos como os ventos
Ó Humanidade Humanidade Humanidade
Chegaríamos ao topo
O topo da nossa Evolução
O topo da nossa Ascensão

Se fôssemos como os ventos
Não teríamos lágrimas doídas
Não teríamos mãos mutiladas
Não teríamos olhos arrancados
Não teríamos almas fracassadas

Se fôssemos como os ventos
Passaríamos incolúmes
Pelos abismos das humanas estradas
Abertos por nós mesmos

Se fôssemos como os ventos
Sorriríamos para o nosso Sol Interior
Sorriríamos para a nossa Lua Interior

Se fôssemos como os ventos
Ventos inimigos nossos seriam extintos

Se fôssemos como os ventos...

Inominável Ser

TENTANDO SER
COMO OS VENTOS




Comentários

Postagens mais visitadas