Pandora, Pandora, Pandora, Não Abras, Não Abras, Não Abras...


Pandora,

Pandora,

Pandora,

Não abras,

Não abras,

Não abras...


O choro da criança perdida

Pede,

A dor da mãe a chorar

Pede,

A cor da morta saudade a suicidar

Pede...


Por favor,

Pandora,

Pandora,

Pandora,

Não abras,

Não abras,

Não abras...


As vítimas das guerras futuras

Pedem,

As vítimas do dinheiro

Pedem,

As vítimas do desespero

Pedem...


Por favor,

Pandora,

Pandora,

Pandora,

O Tempo,

Cronos,

Agora a ti me guia,

Estou aí contigo,

Estou aí às vossas costas,

Por favor,

Por favor,

Por favor,

Não abras...


Os Deuses que a Humanidade esqueceu

Pedem,

Os Deuses que a Humanidade perdeu

Pedem,

Os Deuses que a Humanidade matou

Pedem...


Por favor,

Pandora,

Pandora,

Pandora,

Não descerres

O Véu Da Deusa Desgraça,

Não ergas

O Manto Da Deusa Miséria,

Não,

Não,

Não,

Por favor,

Por favor,

Por favor...


As Glórias

Pedem,

As Jovitas

Pedem,

As Marias

Pedem...


Por favor,

Por favor,

Por favor,

Pandora,

Pandora,

Pandora,

Não abras,

Não abras,

Não abras...


Por favor,

Não abras,

Ouças,

Ouças,

Ouças,

Através de todas

As Dimensões Temporais,

Através das Eras,

Os pedidos como o meu,

Pedidos de seres,

Inomináveis,

Nomeáveis,

Que receberam tudo o que

Havia aí no que tu seguras,

Por favor,

Por favor,

Por favor...


Por favor,

Vejas o que Roma fará...


Por favor,

Vejas o que a Igreja Católica fará...


Por favor,

Vejas o que Adolf Hitler fará...


Por favor,

Vejas o que Saddam Hussein fará...


Por favor,

Vejas o que George W. Bush fará...


Por favor,

Vejas o que os demais falsos

Grandes homens e mulheres

Farão...


Por favor,

Vejas o quanto sofrerão

Os verdadeiros

Grandes homens e mulheres

Com o que tu

Farás...


Por favor,

Vejas tudo,

Tudo,

Pandora,

Pandora,

Pandora,

Que ocorrerá

Caso tu abras a caixa,

A maldita desgraçada caixa

Assassina De Todas As Coisas

Douradas...


Por favor...


Por favor...


Por favor...


Pandora...


Não abras...


Pandora,,,


Não abras...


Pandora...


Não abras...


Mas,

Tu a abristes,

Sua cretina,

Sua vaca,

Sua vadia,

Sua rameira!


E,

Hoje,

A Humanidade é toda

Filha do que saiu

Da porra ta tua

Caixa!


Será mesmo que

A Deusa Esperança

Permanece nela?


Ou é

A Deusa Desesperança

Que Ela tornou-se

Ao ser solta

Da caixa

Antes do tempo correto

Para neste mundo

Dar-se a Sua Entrada?


Jamais se saberá da Verdade,

E tudo,

Tudo isso,

Por causa da tua puta

Curiosidade,

Sua puta arrombada,

Pandora,

Pandora,

Pandora!



Comentários

Postagens mais visitadas