Ilhas E Ocasos


As Ilhas Da Consciência

provocam-me.

Convoco as muitas...

Muitas o quê?

Muitas o quê?

Muitas o quê?

Ah,

às vezes,

em minha condição

de Não-Deus

passo a poetizar

qual ilha perdida

flutuante pelo

Grande Mar...

Mui pequeno,

pequeníssimo,

afirmo ser diante

do Grande Girar...

Sou uma ilha,

diria até que sou

uma ilhota,

mas quem pode dizer

que seja uma Criação

toda?

Seres humanos,

Não-Deuses,

escutai-me:

ilhas,

ilhotas talvez,

somos no Ocaso Do Exisitr,

e é caso de desprazer até

dizer-se Criação,

ninguém no Baixo,

ninguém em Queda,

pode ser uma Criação.

Pandora está ali,

bem ali,

chorando e perdida,

no Morro Do Alemão,

ferida na barriga

por um tiro de AR-15,

e Judas Iscariotes

é o nosso anfitrião

no Grande Eterno Jogo

Dos Fiéis

Ao Trair Do Verdadeiro Ser...

Pandora,

Judas,

Todo ser humano

tem em si Pandora

e Judas,

Ah,

todos nós somos

abridores de caixas de Pandora

e traidores de nossos

amigos interiores

com falsos beijos

como o falso beijo de Judas

no Grande Verdadeiro Rosto

De Jesus...

O Ocaso,

O Atraso,

Rima De Asco,

Rima De Bastardos,

sempre revelo meu asco

pela Humanidade,

sempre revelo-me um bastardo

por ser um do Humano Asco

que forma a Humanidade...

Desespero em vida,

Desespero em morte,

ilha,

ilhas,

Não-Deuses-Ilhas,

é isso que somos,

Humanidade,

Falida Humanidade,

Quedante Humanidade...

Tentemos nadar para...

Longe das ilhas que somos?

Encontraríamos o quê

sendo que tudo em nosso redor

está tão cheio

de ilhas nada divinas

que não são

A Ilha Da Verdadeira Vida?

Ocasos,

humanos,

ocasos,

ilhas e ocasos,

Ilhas Humanas,

Ocasos Humanos,

esperanças de melhores dias

indo pelos ralos

e sendo comida para

Ocultos Ratos...


Inominável Ser

ILHA

OCASO




Comentários

Postagens mais visitadas