Em Busca De Uma Determinada Flecha...


em um sonho solar

vi Eros,

O Deus Do Amor,

lançando Sua Flecha

em uma indeterminada

direção incerta...

Flecha,

Flecha De Eros,

Flecha...

aquela Flecha,

A Flecha,

A Flecha De Eros...

magnífica Flecha,

uma Flecha

que jamais usada foi

para os fins da guerra,

uma Flecha sempre ao largo

da Deusa Paz,

da Deusa Esperança,

da Deusa Felicidade!

uma Flecha

que me atingiu

nos tempos pagãos

da Bretanha

quando esta era

A Grande Bretanha

e nos tempos pagãos

da Grécia

quando esta era

A Grande Grécia!

uma Grécia que me fez

amar Lydyan

e Lukyan,

Irmãs Antigas minhas

de Eras Douradas,

Eras Pacíficas,

Eras De Esperanças

Realizadas,

Eras De Felicidade

Completas,

Eras Amorosas,

Eras Todas

Amorosas,

Eras que acreditávamos

Ser Eterna...

O Bronze

fez

A Flecha

daqui desaparecer...

O Ferro

fez

A Flecha

daqui desaparacer...

A Lata

faz

A Flecha

daqui desaparecer...

nesta desgraçada

Idade De Lata

A Flecha De Eros

é buscada por mim

e por aqueles

e aquelas

dos douros tempos,

Os Tempos Pagãos Dourados

Terrestres!

queremos

A Verdadeira Paz...

queremos

A Verdadeira Esperança...

queremos

A Verdadeira Felicidade...

queremos

O Verdadeiro Amor...

Eros,

Deus Do Amor,

encontraremos,

então,

a Vossa Flecha?

Eros,

Deus Do Amor,

encontraremos

a Vossa Flecha?

Eros

Eros

Eros

Eros

Eros

Eros

Eros

Eros

Eros...

para onde

A lançastes?

por que

Ela se esconde?

por que

Ela não me atinge

novamente?

por que

Ela não atinge novamente

toda a Humanidade?


Inominável Ser

BUSCANDO A FLECHA

DO DEUS EROS

QUE PERDIDA ESTÁ

PELA CRIAÇÃO





.

Comentários

Postagens mais visitadas