A Convocação Do Machado Do Grande Espírito Da Guerra


O Machado Corta

A Rua Da Rotina

Da Misericórdia!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Não Quer

A Misericórdia

Para Os Que Fogem

De Todas

As Batalhas!


O Machado Corta

A Rota Da Colina

Da Fraqueza!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Não Quer

A Fraqueza

Dos Filhos Da Neblina

Que Traz Eternas

Falsas Manobras!


O Machado Corta

O Raio Da Viela

Da Indecisão!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Não Quer

A Indecisão

Nos Altos E Baixos

Rostos

Dos Que Se Encontram

Nas Humanas Fileiras

Da Humana Nação!


O Sangue De Kain

Cai Pelos Campos

De Batalha

Da Guerra Que Ocorre

Lá!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Faz Kain

Em Sangue Brotar!


O Sangue De Habel

Cai Pelos Campos

De Batalha

Da Guerra Que Ocorre

Lá!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Faz Habel

Em Sangue Brotar!


As Filas Gritam

O Nome Dele

Os Deuses Da Guerra

Estão Adiante

Dos Exércitos Do Natural

E Os Inimigos São

As Cegas Multidões

Do Anti-Natural!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Grita Que Seu Machado

É Do Natural!


As Filas

As Filas De Guerreiros

Todos Filhos Do Sol

Do Início

E Do Fim

E Do Meio

Sangram

E Fazem Sangrar!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Reclama Para Si

O Direito De Fazer

Da Morte Eterna

O Preço Daqueles

Que Seguem

O Anti-Natural!


Guerreiros Dos Doze

Círculos Altos

Do Alto Círculo

A Girar!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Faz Toda Lâmina

Do Natural

Girar!


Guerreiros Caindo

Agora

Guerreiros Caindo

Amanhã

Guerreiros Caindo

Ontem

Aquiles

Hércules

Aquiles Eterno

Hércules Eterno

Arenas De Sangue

O Preço Das Batalhas

É O Natural Enxame

De Naturais Obras!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

É A Natural Obra

Da Vitória Mais Valorosa

De Cada Guerreiro

Nos Campos Sangrentos

De Lá!


Erguei

O Vosso Machado

Mulher!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Te Convoca

Mulher!


Erguei

O Vosso Machado

Homem!


O Espírito Da Guerra

O Grande Espírito

Da Guerra

Te Convoca

Homem!


Como Não Erguer

Um Machado

E Assassinar

Os Inimigos

Que Impedem Ainda

O Vosso Mais Natural

Despertar?


Inominável Ser

ERGUENDO O SEU

MACHADO







Comentários

Livia Ulian disse…
Olá... Acompanho faz pouco tempo, porém fielmente... O que me chamou a atenção para seu blog foi Ares... meu predileto! Abraço,
Livia Ulian
Inominável Ser disse…
Ares, O Grande Deus Da Guerra, Maravilhoso Potencializador De Nossas Internas Esferas! É dele a pintura que ilustra o alto da página do Lágrimas, o pintor é Eduardo Laborda.

Mais uma vez, agradeço-lhe por apreciar estas lágrimas que aqui são lançadas, Lívia. Retornes sempre.
Átila Siqueira. disse…
Adorei o poema épico, escrevo muito nesse estilo também. Meu livro Vale dos Elfos, recém lançado, tem alguns poemas assim.

Depois me visite se puder:
atilasiqueira.blogspot.com

Um grande abraço,
Átila Siqueira.

Postagens mais visitadas