A Filha Do Verde


Nas Vestimentas

Da Mãe Natureza,

sonhadora filha,

ah,

mui sonhadora filha,

dessas filhas divinas

que encantam os

Antigos Deuses

Das Folhas

Que Amam A Seiva

Do Amor

Ao Verde!


Ó,

Filha Do Verde,

quanto prazer,

quanto tecer,

quanto fazer,

neste seu adormecer

e despertar

entre águas de ondas

que tecem elogios

ao

Natural Mar!


Ó,

Filha Do Verde,

Gaia hoje aqui

esplendorosa chega,

Mãe Terra,

Mãe Natural,

Esta Senhora que

nos une

no maior acorde

de violinos ancestrais

tocados pelos

Elementais Da Música

em nosso redor!


Ó,

Filha Do Verde,

digna chama alta

se faz tornado

dentro de tua

magnífica alma,

sinto-te realizar

os sonhos dos

Filhos Do Vento

E Do Sol,

Deuses E Deusas

Que Cantam Odes

Ao Poder

Do Vento

E Ao Poder

Do Sol!


O Vento,

O Grande Vento,

carregando as folhas

de tua alma!


O Sol,

O Grande Sol,

iluminando as folhas

de tua alma!


Filha Do Verde,

abençoemos a cadência

que nos origina

no raio solar

que absorve-nos

quando na floresta

que conhece as alturas

das celestes brechas

cantam solitários

e contentes

e felizes

Aqueles Que Abrilhantam

O Verde Das Florestas

E Dos Campos

E Dos Montes!


Ei-La,

A Grande Glória

Da Natureza,

Filha Do Verde!


Ei-La,

A Grande Glória

De Gaia,

Filha Do Verde!


Ei-La,

A Grande Glória

Da Cósmica Natureza,

Filha Do Verde!


Sejamos

folhas,

soltas

no

ar,

recebendo

cada

raio

solar,

levadas

por

cada

vento

vindo

de

lá,

onde

estamos

quando

sonhamos

deitados

em

leitos

de

folhas

ao

som

da

Orquestra

Elemental

...


Inominável Ser

FILHO DO VERDE







Comentários

Postagens mais visitadas