Diversas Duradouras Batalhas


Imemoriais anos se passaram,

as solas de meus pés

carregan a antiga areia

dos tempos mais sagrados.


Imemoriais lembranças de

uma sagrada aliança

entre mim

e a Deusa Esperança.


Imemoriais agitações

d'alma guerreira minha

em canções

da memória minha.


Imemoriais batalhas

dentro de uma guerra

de altas escarpas

na História Da Terra.


Imemorial é a Terra,

este nosso mundo

de muita guerra,

de muito luto.


Imemorial somos nós,

os humanos sem voz,

uma Voz sem nós,

sem os nós da podre noz.


Imemorial é cada

batalha nossa,

alada a escada,

profunda a fossa.


Imemorial é tudo

agitado no balanço

do mágico ruído

da Deusa Desesperança.


Imemorial é a

estranha continuidade

de cada um a

querer realidades.


Imemorial é uma espada

adquirida em vitórias,

as poucas na Estrada,

as múltiplas nas escadarias.


Imemorial é a armadura

que moldamos com nossas

mãos de rude agrura,

mãos de profanas agulhas.


Imemorial,

Humanidade,

a desigual

efemeridade.


Imemorial,

Humanidade,

a cabal

durabilidade.


Imemorial,

Humanidade,

batalhas dentro do Mal,

vitórias chamando


A Imemorial

Bondade.


Inominável Ser

IMEMORIAL

GUERREIRO







Comentários

Postagens mais visitadas