A Divina Senhora Dos Animais




Ecoando Como Vento
No Âmago Selvagem Original
Da Cósmica Natureza,
Há Uma Voz 
Que Corre Entre
O Verde
E O Mais Verde,
O Habitat Revelado
Do Cósmico Natural
Nas Esferas
Habitadas.

É A Voz Elevada
De Uma Monumental
Senhora De Monumentos
À Vida Animal,
Desde O Menor
Ao Maior
Dos Animais Irmãos
De Todos Os Demais
Seres
Desta Criação.

No Canto
Dos Pássaros,
Ela Canta...

No Rugido
Dos Leões,
Ela Ruge...

No Sibilar
Da Serpente,
Ela Sibila...

No Nado
Do Tubarão,
Ela Nada...

Nas Asas
Da Fênix,
Ela Voa...

No Fogo
Do Dragão,
Ela Incinera...

Em Todo Animal
Desta Criação,
A Divina Senhora
Dos Animais
Perfeitamente É
A Nobre Alma
De Cada Um
Deles
Na Terra,
No Fogo,
No Ar,
Na Água
E No Éter!

Em Todo Animal,
Os Olhos
Dela!

Em Todo Animal,
Os Sons 
Dela!

Em Todo Animal,
O Coração
Dela!

Em Todo Animal,
O Pulmão
Dela!

Em Todo Animal,
A Pele
Dela!

Em Todo Animal,
A Harmonia
Dela!

Em Todo Animal,
A Paz
Dela!

Em Todo Animal,
O Ser
Dela!

Em Todo Animal,
A Alma 
Dela!


Em Todo Animal,
A Eternidade
Dela!

Dela,
A Originadora
Da Própria
Cósmica Natureza
E De Todas
As Produções
Desta!

Inominável Ser
COM SUA
HUMILDE PENA
ERGUENDO
UMA ODE
À DIVINA SENHORA
DOS ANIMAIS

Comentários

Postagens mais visitadas