terça-feira, novembro 21, 2017

0

Vamos Ouvir O Canto De Oxum...


Osun - Liisa Elts


Oxum Cantando
Na Grande Cachoeira,
Transmitindo Aquela
Imensa Docilidade
Que Apenas As Deusas
Do Verdadeiro Amor
E Do Que Há De Rico
Acima Do Material Vale
Podem Transmitir…

Oxum Cantando
Como A Doce Mãe
Que Pede A Paz
Para Nosso Mundo,
Este Lacrimoso Vale
Ocupado Pelos Cadáveres
Que Nós Somos
Por Não Sabermos Buscar
A Verdadeira Vida…

Oxum Cantando
Nas Águas Da Consciência
Deste Nosso Atual
Caótico Mundo,
Pedindo Com Seu Canto
A Chegada Da Paz
A Cada Coração
Desta Humanidade
Tão Cheia De
Seres Endurecidos…

Oxum Cantando
E Fazendo Cachoeiras
Na Humana Consciência,
Águas Percebidas
Por Poucos Que Sabem
Beber Da Docilidade
De Tão Pura
E Amável Presença
Tão Sagrada,
Tão Divina
E Tão Suprema…

Oxum Cantando
E Banhando Ao Todo
Com Suas Infinitas
Doces Águas,
Como Uma Mãe
Amorosamente Dedicada
A Cada Filho Ainda
No Baixo
E A Cada Filho Lá
No Alto…

Oxum Cantando,
Minha Irmã,
Meu Irmão,
Uma Deusa Que
Nós Não Somos,
Uma Deusa Que
Nós Nunca Fomos,
Uma Deusa Que
Nós Nunca Seremos…

Oxum Cantando,
Minha Irmã,
Meu Irmão,
Derramando Lágrimas Que
Nós Não Derramamos,
Derramando Lágrimas Que
Nós Nunca Derramamos,
Derramando Lágrimas Que
Nós Nunca Derramaremos…

Oxum Cantando,
Minha Irmã,
Meu Irmão,
Vamos Ouvi-La,
Ouvi-La
No Silêncio,
Ouvi-La
Na Primeira Hora,
Ouvi-La
Na Última Hora…

Oxum Cantando,
Ouçamos,
Ouçamos A Mamãe
Oxum
Das Doces Grandes Águas,
Enquanto Ela Dança
Com Suaves Passos
Que Nos Dão
A Visão De Uma
Possível Paz
Em Águas Que Nunca
Param…

ERI IEIÊ Ô ÒSUN!!!

ERI IEIÊ Ô ÒSUN!!!

ERI IEIÊ Ô ÒSUN!!!

ERI IEIÊ Ô ÒSUN!!!

ERI IEIÊ Ô ÒSUN!!!

ERI IEIÊ Ô ÒSUN!!!

ERI IEIÊ Ô ÒSUN!!!

ERI IEIÊ Ô ÒSUN!!!

ERI IEIÊ Ô ÒSUN!!!

inominável Ser
OUVINDO
O DOCE CANTO
DA TÃO DOCE
MAMÃE OXUM




quarta-feira, novembro 08, 2017

0

A Senhora Do Raio Desce!


Iansã


A Senhora Do Raio Desce,
Acompanhada pelo
Senhor Do Trovão,
Seguida pelos
Filhos De Seu Raio
E respeitada pelos
Filhos Do Trovão!

A Senhora Do Raio Desce,
Fulgurante Fulminadora
Das baixas tempestades,
Das altas calamidades,
Das destrutivas energias,
Das daninhas criaturas
Da Espiritualidade!

A Senhora Do Raio Desce,
Altiva Sublime Guerreira
A golpear com Sua
Invencível Espada
Os inimigos de todas
As Humanidades
À esquerda,
Ao centro
E à direita!

A Senhora Do Raio Desce,
Gritando
GUERRA
Ao Norte,
GUERRA
Ao Sul,
GUERRA
Ao Centro,
GUERRA
Ao Leste,
GUERRA
Ao Oeste!

A Senhora Do Raio Desce,
Pronta para abater
Os Falsos Raios
E os Falsos Trovões
Que aqui no Baixo
Se dizem dominadores
Das Palavras De
Todos Os Raios
E Dos Números De
Todos Os Trovões!

A Senhora Do Raio Desce,
Acima das montanhas
De cada mundo,
Acima das cidades
De cada mundo,
Acima dos homens
E das mulheres
Que se dizem
E vêem
Como poderosos
Em cada mundo!

A Senhora Do Raio Desce,
A Poderosa,
A Poderosa Das Poderosa,
A Deusa Guerreira
Das Deusas Guerreiras,
Esmagando com a Lâmina
De Sua Espada
Os Falsos Poderosos,
Os opressores
Da Raça Humana,
Os desprovidos da Luz
De cada Raio Superior
Advinda!

A Senhora Do Raio Desce,
Ela É Iansã,
Iansã
Guerreira,
Iansã
Poderosa,
Iansã
Vencedora,
Iansã
Mãe
Daqueles Que Vencem
Todas As Opressões
Derramando O Sangue
E As Lágrimas
De Seus Corações
Nos Humanos Campos
De Batalhas!

EPAHEI IANSÃ!!!

EPAHEI IANSÃ!!!

EPAHEI IANSÃ!!!

EPAHEI IANSÃ!!!

EPAHEI IANSÃ!!!

EPAHEI IANSÃ!!!

EPAHEI IANSÃ!!!

EPAHEI IANSÃ!!!

EPAHEI IANSÃ!!!

Inominável Ser
UM INOMINÁVEL
FILHO
DA SENHORA
DO RAIO
VENDO A DESCIDA
DELA




quarta-feira, outubro 11, 2017

0

Lá Vai Oxumarê No Arco-Íris Da Criação!



Olhei para
O Arco-Íris
E lá estava
Oxumarê,
Seis Vezes
Pai,
Seis Vezes
Mãe,
A Dançar
Em Cada
Cor!

Chamei
O Arco-Íris
E lá estava
Oxumarê,
Com Sua Serpente
A Sibilar
E A Se Enroscar
Nos Palácios
Universais!

Abracei
O Arco-Íris
E lá estava
Oxumarê,
Fazendo cada sol
A tudo aquecer,
Fazendo novos sóis
Para tudo colorir,
Sendo O Sol
Que Viaja
Sem Fim!

Beijei
O Arco-Íris
E lá estava
Oxumarê,
Com A Face
De Muitas
Cores,
Com A Face
De Todas
As Cores,
Para
O Norte,
Para
O Sul,
Para
O Centro,
Para
O Leste,
Para
O Oeste!

E Oxumarê
No Arco-Íris
Me Beijou!

E Oxumarê
No Arco-Íris
Me Abraçou!

E Oxumarê
No Arco-Íris
Me Chamou!

E Oxumarê
No Arco-Íris
Olhou Para
A Minha
Alma!

Me Tornei
Seis Vezes
Arco-Íris!

Me Tornei
Seis Vezes
Serpente!

Me Tornei
Seis Vezes
Oxumarê!

ARÔ BOBOI!!!

ARÔ BOBOI!!!

ARÔ BOBOI!!!

ARÔ BOBOI!!!

ARÔ BOBOI!!!

ARÔ BOBOI!!!

ARÔ BOBOI!!!

ARÔ BOBOI!!!

ARÔ BOBOI!!!

Inominável Ser
NO ARCO-ÍRIS
COM
OXUMARÊ





quarta-feira, outubro 04, 2017

0

Exu Correndo Nas Correntezas Da Criação!



Exu Corre No Amanhã,
Exu Corre No Hoje,
Exu Corre No Ontem,
Exu
Sempre Vai Correr,
Exu
Sempre Vai Queimar
O Solo
Da Estrada Existencial
Com Seus Pés!

Exu Corre No Dia,
Exu Corre Na Noite,
Exu Corre Sem Dias,
Exu Corre Sem Noites,
Exu
É O Senhor Guardião
Do Grande Dia,
Exu
É O Senhor Guardião
Da Grande Noite!

Exu Corre Pelos Mundos,
Exu Corre Pelas Galáxias,
Exu Corre Pelos Universos,
Exu Corre Pela Criação,
Exu
É A Primeira Mensagem,
Exu
É O Primeiro Mensageiro!

Exu Corre Pela Roda,
Exu Corre Pelo Relógio,
Exu Corre Pela Árvore,
Exu Corre Pela Montanha,
Exu Corre Pelo Mar,
Exu
É O Primeiro
A Tudo Fecundar,
Exu
É A Primeira Fecundação!

Exu Corre Como Fogo,
Exu Corre Como Lança,
Exu Corre Como Espada,
Exu Corre Como Escudo,
Exu
É O Primeiro Guerreiro,
Exu
É A Primeira Guerra!

Exu Corre Para Cima,
Exu Corre Por Baixo,
Exu Corre Ao Centro,
Exu
Abre Toda Dimensão,
Exu
Abre Toda Porta,
Exu
Abre Todo Portão!

Exu Corre No Alto,
Exu Corre No Baixo,
Exu Corre No Todo,
Exu Corre No Nada,
Exu
Atravessa As Trevas,
Exu
Atravessa As Luzes,
Exu
É O Senhor
Das Trevas,
Exu
É O Senhor
Das Luzes!

Exu Corre Como Vento,
Exu Corre Como Chuva,
Exu Corre Como Raio,
Exu Corre Como Trovão,
Exu
À Frente Dos Panteões,
Exu
À Frente Dos Orixás,
Exu
À Frente Dos Espíritos,
Exu
É A Linha De Frente
Do Único
Destino!

Exu Correndo!

Exu Correndo!

Exu Correndo!

Exu Correndo!

Exu Correndo!

Exu Correndo!

Exu Correndo!

Exu Correndo!

Exu Correndo!

ÈṢÙ MO JÚBÀ

ÈṢÙ MO JÚBÀ

ÈṢÙ MO JÚBÀ

ÈṢÙ MO JÚBÀ

ÈṢÙ MO JÚBÀ

ÈṢÙ MO JÚBÀ

ÈṢÙ MO JÚBÀ

ÈṢÙ MO JÚBÀ

ÈṢÙ MO JÚBÀ

Inominável Ser
VENDO EXU
CORRER