O Cântico Da Desgraça Contemporânea


The Warmest Part - Dimitra Papadimitrou


Entre os Trapos
De nossas vestes
Que um dia foram
De Douradas Eras
Podemos reencontrar
As perdidas peças
De todas as relíquias
Que no Ontem
Nos eram guias.
Entre os Traços
De alguns dos livros
Que no
Tempo Antigo
Ensinavam
A Grande Verdade
Existencial
Lemos alguns
Dos rascunhos
Que dizem muito
De tudo que ainda
Nós realmente
Queremos.
Entre os Tempos
De onde retiramos
Todas as verdades
Da nossa História,
Fomos vendo atos
Que se desdobraram
Para uma descida
De cada um de nós
Ao Humano
Buraco
Onde
Encravamos
E
Entoamos
Cada
Cântico
De
Horror
Existencial
Nosso…
Cântico
Trazendo
Guerra.
Cântico
Trazendo
Treva.
Cântico
Trazendo
Miséria.
Cântico
Trazendo
Maldição.
Cântico
Trazendo
Desgraça.
Cântico
De Uma
Fogueira
Apagada.
Cântico
De Uma
Figueira
Arrasada.
Cântico
De Uma
Terra
Alagada.
Cântico
De Um
Monte
Afogado.
Podemos
Ouvi-Lo…
Podemos
Ouvi-Lo…
Podemos
Ouvi-Lo…
Podemos,
Sim,
Ouvir tal
Cântico Que Declara
A Extinta Marcha
De Nossa
Evolução,
Humanos,
Em Direção
Ao Alto!
NOSSA EXTINTA
MARCHA!!!
NOSSA EXTINTA
MARCHA!!!
NOSSA EXTINTA
MARCHA!!!
NOSSA EXTINTA
MARCHA!!!
NOSSA EXTINTA
MARCHA!!!
NOSSA EXTINTA
MARCHA!!!
NOSSA EXTINTA
MARCHA!!!
NOSSA EXTINTA
MARCHA!!!
NOSSA EXTINTA
MARCHA!!!
E ao fim
Nossa Barca
Está destroçada.

Inominável Ser
NA MARCHA
DESTE
CÂNTICO




Comentários

Postagens mais visitadas