A Quarta Estrada No Deserto


Cancer - Sakimichan


Entre As Pérolas
Encontradas Nas
Profundas Conchas
Do Fundo
Do Grande Mar,
O Caminhante No Deserto
Vê Girar
A Grande Roda
Das Mortes
E Dos Renascimentos.

As Ondinas
Trazem Ondas
De Horizontes
Banhados
Pelas Maiores
Águas
Do Grande Mar.

As Ondinas
Trazem Tesouros
De Embarcações
Contendo As Presenças
De Todos Aqueles
Que Navegaram,
Navegam
E Navegarão
No Grande Mar.

As Ondinas
Trazem Os Alicerces
Do Templo Vivente
E Aquele Que Nada
Dentro De Cada
Gota Das Águas
Do Grande Mar.

O Túmulo
É Aberto
E O Grande Agente
Das Águas
Derrama Sobre
As Grandes Vastidões
Sua Mensagem
De Eternas Marés.

O Túmulo
É Fechado
E O Grande Feito
Do Expansivo Nascedouro
De Todos Os Movimentos
Das Barcas
Nos Rios Temporais
Sorri Para Tudo
Que Impera
No Fundo
Do Grande Mar.

E As Grandes
Águas
Do Grande Mar
Se Agitam.

E As Grandes
Águas
Do Grande Mar
Fabricam.

E As Grandes
Águas
Do Grande Mar
Modificam.

As Águas
Falam De
Outro Mar.

As Águas
Falam De
Outras Marés.

As Águas
Falam De
Outras Ondas.

As Águas
Falam
Ao Caminhante
No Deserto
Da Necessidade
De Nadar
Para Os Confins
De Uma
Outra Criação
Que Se Agita
Em Ocultos
Abismos
Dentro Das Pérolas
Encontráveis
Nas Conchas
Da Alma
Dele.

Na Estrada
De Câncer
Cada Passo
É Dado Acima
Das Grandes Águas
Do Grande Mar
Como Portais
Que Abrem
As Dimensões
Das Salvações
Em Verdades
Que Afogam
Para O Renascer
Na Verdadeira
Liberdade
Do Verdadeiro
Eu
Na Verdadeira
Estrada
Que Ele Deve
Cada Vez Mais
Encontrar.

Inominável Ser
EM TERRAS
DA ESTRADA
DE CÂNCER




Comentários

Postagens mais visitadas