Nadando Pelo Rio Da Injustiça

Photo by Engin Akyurt

A Injustiça
Cobre A Terra
Inteira
Dos Completos
Vermes
Que Nós Somos
Como Espécie.

Os Injustos
Herdaram
A Terra.

Os Injustos
Herdaram
A Chama.

Os Injustos
Herdaram
O Trono.

A Injustiça
Cobra Da Terra
Um Infinito
Preço Pago
Por Nós
Que Somos
Uma Espécie
De Ratos
Supostamente
Racionais.

Os Injustos
Jogam Xadrez
Na Cama.

Os Injustos
Jogam Futebol
No Banheiro.

Os Injustos
Trepam Juntos
Na Praia.

A Injustiça
É O Novo Sol
Nesta Terra
Povoada Por
Nós Que Somos
Inúteis Porcos
Refastelados
Sobre O
Chiqueiro
Mundial.

Os Injustos
Cagam Pela
Boca.

Os Injustos
Vomitam Pelo
Umbigo.

Os Injustos
Nascem Pelo
Cu.

Onde Enterraram
A
Justiça?

Onde Estão
Os Ossos
Da
Justiça?

Onde Está
A
Verdadeira
Justiça
Neste Mundo
De Homens
E Mulheres
De Má-Fé
E Nenhuma
Vontade?

Não
Se Sabe.

Não
Se Conhece.

Não
Se Investiga.

Não
Se Interroga.

Não
Se Busca.

Não
E Não
E Todo Não
Contra
Alcançar Algo
Próximo A Uma
Genuína Justiça.

A Injustiça
Está
Na Moda.

A Injustiça
Está
Na Vitrine.

A Injustiça
Está
Na Parede.

A Injustiça
Está
Ao Lado.

A Injustiça
Está
Na Manhã.

A Injustiça
Está
No Meio-Dia.

A Injustiça
Está
Na Tarde.

A Injustiça
Está
Na Noite.

A Injustiça
É A Massacrante
Extinguidora
Desta
Humanidade.

Inominável Ser
INJUSTO
NADADOR
DESTE RIO




Comentários

Postagens mais visitadas